Conheça a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais) e saiba como afeta a sua empresa

Muitos ainda não devem ter ouvido falar da LGPD, sigla para Lei Geral de Proteção de Dados, cuja o objetivo principal é regulamentar o uso dos nossos dados pessoais (pessoas físicas/naturais) e dar mais transparência sobre o tratamento que é feito nestes dados, para onde vão, quem tem acesso a eles, onde ficam armazenados e assim por diante.

Iremos contar um pouco sobre a LGPD neste post.

A Lei 13.709 de Ago/2018, que foi inspirada na GDPR – Lei similar já utilizada desde o ano passado na Europa e que no Brasil começa a vigorar em Agosto de 2020.

De maneira superficial, se pudéssemos resumir a LGPD em 3 palavras, seriam:

1

Finalidade

Para que precisam

dos meus dados?

2

Transparência

O que vocês vão fazer

com meus dados?

3

Segurança

Meus dados estarão

seguros? Como?

“Como a LGPD afeta a minha empresa”?

Independente do tamanho da empresa, seja ela, micro, pequena ou uma grande empresa, basicamente o que muda é o tamanho da multa em caso de descumprimento. E, claro, o volume de dados armazenado e tratado.

Ao capturar dados de clientes, por exemplo, através de um formulário em seu site, o cliente deverá consentir com essa captura de informações e deverá ser informado sobre qual a finalidade da captura destes dados e como estes dados serão tratados, ou seja, irão para uma base de dados? Serão apagados após responderem a minha mensagem? Ficarão armazenados por X tempo até que sejam apagados… etc.

Supondo que a empresa repasse estes dados para outras empresas parceiras, ou um fornecedor de e-mail marketing, automaticamente esta será responsável por estes dados também, ou seja, terceiros são responsáveis pelos dados e não se eximem da responsabilidade sobre a LGPD.

Para as empresas que já possuem dados de clientes, supondo aqui, para disparo de e-mail marketing ou alguma outra atividade relacionada, por exemplo, deverá pedir um consentimento para o uso de maneira correta, ficando assim respaldada de qualquer problema com a LGPD.

O que acontece se a Lei de Proteção de Dados for descumprida?

As empresas que descumprirem a lei poderão ser multadas em 2% sobre o faturamento anual, limitado ao teto de R$50 milhões.

Quem irá fiscalizar a aplicação desta lei?

Autoridade Nacional de Proteção de Dados – ANPD – Ligada à presidência vai ter autonomia técnica, onde haverá um conselho-diretor formado por cinco diretores, que serão nomeados pelo presidente, e os membros do conselho terão mandatos de quatro anos.

Um comentário em “Conheça a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais) e saiba como afeta a sua empresa

  1. Pingback: LGPD: O seu site está preparado? - AG Empreendimentos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *